Cada país tem um esporte predileto. Nos EUA é o basquete[bb], porém na maioria dos outros, assim como aqui, a preferência é pelo futebol. O único detalhe que diferencia o Brasil da maioria dos outros países é que aqui o vôlei, a natação, o automobilismo, o tênis e tantos mais são lembrados apenas quando temos chances de medalhas.

Este desespero, doença ou fanatismo, como os próprios torcedores chamam, é que me causa a repulsa pelo esporte. Seja o Flamengo[bb], Vasco, Botafogo ou América, a questão continua sendo a mesma: o brasileiro se tornou monotemático, principalmente aos domingos.  E para entender como eu me sinto, imagine que você não goste de… desenho japonês[bb]!

Shaolin Soccer

Por algum motivo, você não gosta. O desenho em si você releva. Ele existe, está ali, mas como você não gosta, não assiste. Porém, ao seu redor, todas as pessoas, ricas ou pobres, crianças, adultos e idosos idolatram os desenhos japoneses. Há matérias sobre eles na capa de todos os jornais, todos os dias. Inclusive há jornais e programas televisivos do assunto, lojas espalhadas para todos os lados e em qualquer lugar que você chega o assunto é o mesmo. No elevador, twitter, há sempre alguém dizendo que o “Goku[bb]” é mais forte que o “Vegeta[bb]” e outro contestando. E a pergunta é sempre a mesma: “Você prefere Dragon Ball ou Cavaleiros do Zodíaco[bb]?”. Mas, não adianta responder que nem um e nem outro. Sempre irão insistir que você tem uma preferência.

Apesar de passar quase todos os dias desenho japonês na tv, é no domingo aonde se concentram os principais episódios. Aqueles chave, onde o personagem consegue, ou não, vencer o inimigo mais forte. Neste dia, não importa onde você vá: restaurantes, botequins, shoppings ou passando pelas ruas, há sempre uma televisão ligada com o volume alto e várias pessoas assistindo ao desenho, gritando de repente a cada golpe, discutindo quem é o personagem mais forte ou ainda qual é o golpe mais poderoso. Ao ligar o rádio, o locutor está narrando as cenas do desenho.

Shaolin Soccer Chute

Ao fim do episódio, quando o personagem vence, tem mais gritaria e fogos. E no último episódio de cada temporada (dos vários desenhos que passam), as pessoas saem alucinadas, correndo pelas ruas, gritando, bebendo, correndo para um lado e para o outro com bandeiras de seu personagem favorito. Quando fã-clubes de personagens diferentes se encontram dá briga, confusão, pessoas saem feridas e outras acabam na delegacia. Para chegar em casa, você tem que evitar passar por alguns lugares para evitar estas confusões.

Mas… Ufa! Finalmente acabou o dia! Nada mais de desenhos japoneses até amanhã de manhã, quando todos estarão comentando sobre o episódio do domingo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Be Sociable, Share!