Simplesmente sensacional!

Esqueça todas as receitas de bolo de Hollywood, o filme Fama[bb] veio para mostrar, e muito claramente, o que acontece no mundo das artes por detrás das cortinas.

Muita gente acredita que ser músico, ator, dançarino é algo mágico. A pessoa nasce com talento, faz aula e pronto, será um ótimo profissional. A vida será ótima e acabou.
Mas na verdade, existem muitos problemas e dificuldades para quem quer chegar lá.

Acho que muitos aqui já sabem, mas eu sou músico e já fiz teatro. E apesar de estar em outra área hoje, o coração ainda bate forte quando falo das artes.

Assistindo o filme, preciso admitir que me emocionei em vários momentos. É impossível não se identificar do início ao final do filme, começando pela grande dificuldade em entrar para uma boa escola de artes. As provas, os anseios, as expectativas e os sonhos.
Conseguindo superar esta etapa, vem seguindo os professores super rígidos que muitas vezes, ao invés de estimular, só te jogam para baixo e te ameaçam. Ser apenas bom e se dedicar absurdamente não é suficiente.

E durante toda a correria, estudo e mais estudos, aulas teóricas, práticas, conseguir lidar com os egos etc, existe ainda a questão familiar. Os pais e parentes não confiam e sempre fazem de tudo para que você desista da área. Você, como estudante, não é visto como artista e nem com orgulho, mas como alguém que não quer nada com o “trabalho de verdade”.
E estes são apenas alguns dos pontos tão realistas e tão bem retratados neste grande filme que não é novo. A primeira versão foi gravada em 1980.

Sou muito crítico, mas hoje ficou bem difícil de contrariar o Kevin Tancharoen[bb], que não se esqueceu de nenhum detalhe, como a questão dos sonhos, de passar toda a sua vida se dedicando e acreditando naquilo, as frustrações, relacionamentos etc.

Desta vez preciso tirar o chapéu e me curvar diante desta obra tão precisa em todos os aspectos. E, principalmente, por não contar nenhuma história de uma pessoa em específico, mas sim de vários personagens simultâneos, durante um período de suas vidas.

Novamente aviso, se você gosta das grandes produções hollywoodianas, de histórias completas mostrando toda a vida dos personagens, desista! Em Fama você só vai ver um belo retrato da realidade…